Inscrições do Fantaspoa 2014

Inicialmente, foi anunciado que a décima edição do Fantaspoa ocorreria entre os dias 2 e 18 de maio de 2014.
Esta data foi alterada, e o novo período de realização do evento será de 09 a 25 de maio de 2014.
As inscrições para a edição estão abertas. O regulamento atualizado e a ficha de autorização de exibição encontram-se no arquivo abaixo.

Fantaspoa2014_REGULAMENTO

Published in: Sem categoria on outubro 13, 2013 at 8:11 pm  Deixe um comentário  

Fantaspoa 2014 – Entries

The entries for Fantaspoa 2014 are open.

The regulation and Screening Authorization may be found in the following link:

Fantaspoa2014_REGULATION

Published in: Sem categoria on outubro 13, 2013 at 8:03 pm  Deixe um comentário  

Fantaspoa anuncia os homenageados da sua nona edição.

Os grandes homenageados do IX Fantaspoa serão os italianos Ruggero Deodato e Claudio Simonetti, que estarão presentes em Porto Alegre. Ambos conversarão com o público em quatro sessões da Mostra Homenageados, que ocorrerá na primeira semana do evento. Claudio Simonetti realizará ainda um concerto musical no Átrio do Santander Cultural.
 
Imagem
Ruggero Deodato passeou por diversos gêneros, mas é mundialmente famoso e prestigiado por seu trabalho com o horror, principalmente após ter realizado o controverso e seminal Cannibal Holocaust, obra que, à época, gerou muita polêmica por sua violência extrema e realista. Além disso, impressionou por apresentar uma notável campanha de marketing: o filme foi vendido como um documentário e os atores que na obra eram dados como desaparecidos, foram obrigados a se manter reclusos por um tempo, sob pena de multa contratual, criando uma verdadeira mítica em torno da obra. Antes de dirigir seu primeiro longa-metragem, trabalhou como assistente de direção de realizadores consagrados, como Roberto Rossellini, Joseph Losey, Mauro Bolognini e Riccardo Freda. Dirigiu 25 filmes, nove dos quais serão exibidos na retrospectiva de sua carreira no IX Fantaspoa. Serão realizadas duas sessões comentadas por Deodato no IX Fantaspoa.
Imagem
Claudio Simonetti é filho do apresentador Enrico Simonetti, maestro, pianista e compositor italiano que apresentou, na década de 1950, o popular programa “Simonetti Show”, da TV Excelsior. Por isso, nasceu em São Paulo e morou no Brasil até os 12 anos de idade. Na década de 1970, foi um dos fundadores do grupo musical de rock progressivo Goblin, cultuado mundialmente por ter composto as trilhas mais notáveis de diversos filmes do mestre italiano Dario Argento, como Profondo Rosso, Tenebre e Suspiria. Após o fim do Goblin, no final dos anos 1970, Simonetti continuou compondo trilhas sonoras e trabalhou com diversos diretores, como Lucio Fulci, Ruggero Deodato, Sergio Martino, Umberto Lenzi e Lamberto Bava. Em 1999, ele formou a banda Daemonia, com a qual compôs várias trilhas para filmes de Dario Argento. Simonetti participará de duas sessões comentadas no IX Fantaspoa; e realizará uma apresentação musical, marcada para 12 de maio no Átrio do Santander Cultural.
Imagem
O diretor italiano Luigi Cozzi, homenageado do Fantaspoa em 2010 e responsável por algumas das sessões mais memoráveis da história do festival, retornará à cidade e apresentará ao público três obras: um documentário sobre cinema fantástico inédito na América Latina (Roma Fantástica); um filme romântico que declaradamente é uma de suas realizações preferidas (O Último Concerto); e a sua versão de Godzilla, conhecida como Cozzila e por muitos considerado o primeiro filme colorido manualmente da história do cinema. Cozzi também ministrará um curso sobre Giallo, famoso e cultuado subgênero de cinema italiano cujo ápice foi na década de 1970 e com o qual dialogou diretamente em parte de sua obra. No curso, que terá custo de inscrição de 120 reais, o diretor italiano trará diversas experiências pessoais sobre produções da época e seus realizadores.

Na semana seguinte à participação em Porto Alegre, os três italianos participarão da estreia do Fantaspoa fora de terras Riograndenses, na Mostra Fantaspoa no Rio, a ser realizada no Centro Cultural Banco do Brasil do Rio de Janeiro. A programação da mostra será composta por 18 filmes, e os cariocas poderão debater com os italianos sobre suas contribuições artísticas em três sessões comentadas.

O IX Fantaspoa é uma apresentação da Petrobras, e realização da Fantaspoa Produções. Ocorrerá entre os dias 03 e 19 de maio de 2013.

Abraços,
João Fleck e Nicolas Tonsho

Published in: Sem categoria on março 18, 2013 at 1:17 am  Deixe um comentário  
Tags:

IX Fantaspoa anuncia patrocínio da Petrobras e os filmes de abertura e encerramento do festival

Mar Negro

Mar Negro

Big Ass Spider!

Big Ass Spider!

Mar Negro, filme que encerra a trilogia criada por Rodrigo Aragão, abre o festival, enquanto Big Ass Spider! encerra o evento com sessão comentada pelo diretor Mike Mendez.

O Fantaspoa e o Festival de Cinema de Gramado foram os únicos eventos gaúchos de cinema contemplados pelo Programa Petrobras Cultural 2012, uma das mais concorridas e cobiçadas seleções públicas de patrocínio do Brasil. Graças a esse patrocínio, os organizadores João Fleck e Nicolas Tonsho prometem para 2013 a melhor e mais diversificada edição do evento, que já é consolidado como o maior de cinema de gênero da América Latina e, a cada edição, ganha mais destaque e prestígio no cenário internacional, principalmente devido à promoção de encontros de profissionai s decinema de diversas partes do mundo.

O IX Fantaspoa – Festival Internacional de Cinema Fantástico de Porto Alegre ocorrerá entre osdias 03 e 19 de maio de 2013. Em sua abertura, será realizada a primeira exibição pública do filme Mar Negro, encerrando a aclamada trilogia criada pelo diretor capixaba Rodrigo Aragão. Na ocasião, estarão presentes o diretor e grande parte da equipe do filme, que conversarão com o público após a sessão. Para o encerramento, o festival reserva a première latino-americana de Big Ass Spider! Muito comentado pelo público cinéfilo e com estreia marcada para a semana que vem no prestigiado festival South by Southwest, mostra a inusitada união entre umexterminador de insetos e um segurança enfrentando uma aranha gigante que tenta destruir toda Los Angeles. O diretor norte-americano Mike Mendez estará presente na sessão para apresentar seu filme ao público do Fantaspoa.

Os homenageados do IX Fantaspoa serão anunciados no dia 18 de março, na Fan Pagedo evento: www.facebook.com/fantaspoa

Trailers dos filmes:

MarNegro: http://www.youtube.com/watch?v=tOWOSdh-xM4

Big-Ass Spider: http://www.youtube.com/watch?v=TSlNiSEWqwQ

Published in: Sem categoria on março 8, 2013 at 1:12 am  Deixe um comentário  

Projeto IX Fantaspoa contemplado no Programa Petrobras Cultural

Nessa sexta-feira, dia 22, fomos informados de que o projeto do IX Fantaspoa foi contemplado pelo Programa Petrobras Cultural e, portanto, o nosso Fantaspoa desse ano será patrocinado pela Petrobras. Por mais que nos dois anos anteriores o festival tenha sido patrocinado, ainda é incrivelmente emocionante receber uma notícia dessas. Afinal, por seis anos nós trabalhamos realizando o Fantaspoa de forma independente; e conseguir organizar tudo com patrocínio substancioso foi, por muito tempo, como um sonho quase inalcançável. Três anos consecutivos trabalhando com patrocínios é como o melhor que poderia ocorrer para o festival.
Toda a trajetória do Fantaspoa exigiu um esforço grande da nossa equipe, mas isso sempre foi recompensado pelo entusiasmo de pessoas que participam do festival e pela quantidade crescente de espectadores. Em verdade, o retorno positivo do público, além de apoio das salas de cinema e de empresas e instituições locais, foram imprescindíveis nesse processo: sem isso, não teríamos dado continuidade ao Fantaspoa. Então, no final das contas, foi por isso que pudemos receber essa notícia de patrocínio da Petrobras. E é por isso que, anualmente, nos esforçamos para proporcionar ao público uma ótima experiência e trazer a Porto Alegre algumas mais melhores e mais relevantes obras cinematográficas do cinema fantástico.
Agradecemos imensamente, portanto, a toda a nossa equipe, a todos os nossos apoiadores, aos patrocinadores e ao nosso público. Estamos muito ansiosos para retornarmos às salas de cinema. Adiantando o que é possível, afirmamos: o Fantaspoa desse ano será o melhor de todos. Esperamos por todos em maio! E que o futuro nos reserve mais notícias lindas como essa.

Abraços,
João Fleck e Nicolas Tonsho

Published in: Sem categoria on fevereiro 24, 2013 at 8:30 pm  Comments (1)  

Fantaspoa 2013 – Entries

The entries for Fantaspoa 2013 are open. The regulation and Screening Authorization may be found in the following link:

Fantaspoa2013_REGULATION

Published in: Sem categoria on novembro 29, 2012 at 1:41 am  Deixe um comentário  

Inscrições do Fantaspoa 2013

A nona edição do Fantaspoa ocorrerá entre os dias 3 e 19 de maio de 2013.
As inscrições para a edição estão abertas. O regulamento e a ficha de autorização de exibição encontram-se no arquivo abaixo.

Fantaspoa2013_REGULAMENTO

Published in: Sem categoria on novembro 29, 2012 at 1:33 am  Deixe um comentário  

Mostra Fantaspoa Revisitado

Entre os dias 06 e 12 de julho de 2012, no Cine Santander – Santander Cultural, a Mostra Fantaspoa Revisitado exibirá 18 obras programadas no VIII Fantaspoa, entre premiadas e mencionadas pelos juris popular e oficial, além de filmes que tiveram grande êxito junto ao público. Dessa forma, todas as seções do evento serão representadas: a Mostra Homenageados (“Thor na Parada de Ônibus”); a Mostra Panorama (“A Canção do Peregrino” e “Kid-Thing”); Mostra Apocalipse Zumbi (“Um Pouquinho Zumbi” e “Pushing’Up Daisies”); Mostra Competitiva Ibero-Americana (“Alucardos – Retrato de um Vampiro”, “Diablo” e “Toupeiras”); e a Mostra Competitiva Internacional, com dez títulos. O objetivo desta seleção é possibilitar ao público conhecer os filmes mais evidenciados da extensa programação do VIII Fantaspoa, exibindo algumas das melhores obras cinematográficas de gênero produzidas mundialmente no último triênio.

6 jul – sex
15h00        The Girl from The Naked Eye, de  David Ren
17h00        O Inimigo, de Dejan Zecevic
19h00        Inato, de Alex Chandon

7 jul – sab
15h00        Pushing’Up Daisies, de Patrick Franklin
17h00        Centopeia Humana 2, de Tom Six
19h00        Diablo, de Nicanor Loreti

8 jul – dom
15h00        Pele Reconfortante, de Derek Franson
17h00        Raiva  Aharon Keshales, de Navot Papushado
19h00        O Alvo, de Alexander Zeldovich

10 jul – ter
15h00        Kid-Thing, de David Zellner
17h00        Snowman’s Land, de Tomasz Thomson
19h00        Um Pouquinho Zumbi, de Casey Walker

11 jul – qua
15h00        A Canção do Peregrino, de Martha Stephens
17h00        Mão-Cabeça-Coração, de David Jarab
19h00        Toupeiras, de Emiliano Romero

12 jul – qui
15h00        Ritos da Primavera, de Padraig Reynolds
17h00        Alucardos – Retrato de um Vampiro, de Ulises Guzmán
19h00        Thor na Parada de Ônibus  Jerry Thompson, de Marc Thompson

Sinopses:
ALUCARDOS – RETRATO DE UM VAMPIRO
Manolo e Lalo, são dois rapazes obcecados pelo cultuado filme de horror mexicano Alucarda. Eles se dedicam a procurar pelo diretor da obra, Juan López Moctezuma, o encontram num hospital psiquiátrico e o sequestram.

O ALVO
É 2020 e a riqueza triunfa na Rússia. Alguns membros da elite sentem que estão perdendo sua jovialidade. Determinados a reverter seu envelhecimento, procuram um local que, diz-se, possui poderes para trazer de volta a juventude de quem o visita.

A CANÇÃO DO PEREGRINO
Para escapar de uma vida infeliz, um jovem decide vagar pela natureza selvagem do Kentucky. Ele conhece várias personagens estranhas e acaba se tornando companheiro de um pai gregário e de seu filho, que o fazem encontrar o que ele havia perdido.

CENTOPEIA HUMANA 2
Martin é um rapaz mentalmente perturbado que trabalha como segurança em um sombrio estacionamento. Solitário, ele se perde no mundo do filme de terror “A Centopeia Humana” e começa a desenvolver desejos de criar uma centopeia humana.

DIABLO
A carreira de um ex-campeão de boxe terminou após ele matar seu rival numa luta. Ele anda deprimido e cansado, mas hoje será um dia feliz, pois sua ex-namorada o visitará. Mas todas as expectativas são frustradas, e grandes problemas surgem.

THE GIRL FROM THE NAKED EYE
Jake trabalhar como motorista de prostitutas para pagar uma dívida de jogos de azar. Ele conhece Sandy, uma doce garota que acabou na prostituição, e os dois se tornam amigos. Quando Sandy é encontrada morta, Jake fará de tudo para buscar vingança.

INATO
Seis pessoas passam um final de semana numa remota aldeia. Um pequeno incidente com os moradores logo se transforma em uma sangrenta perseguição. Inicia-se um verdadeiro pesadelo de horror, demonstrando quão violenta pode ser a natureza humana.

O INIMIGO
Bósnia, 1995, sétimo após a declaração da paz. Minas estão sendo removidas da fronteira entre os dois lados que, até recentemente, estavam em guerra. Um misterioso homem é encontrado dentro de uma instalação. Quem é esse misterioso homem?

KID-THING
Annie, uma garota de 10 anos de idade, passa o dia fazendo travessuras. Seu pai, um criador de cabras e motorista de carros de competição, é ausente e péssimo pai. Solitária, acaba ouvindo uma mulher clamar por ajuda dentro de um poço abandonado.

MÃO-CABEÇA-CORAÇÃO
O coronel Von Haukwitz morre em estranhamente durante sessão espírita. Sua noiva descobre que sua cabeça, mãos e coração foram removidos de seu corpo. Ela acaba descobrindo práticas de ocultismo envolvendo o sumiços das partes do corpo.

PELE RECONFORTANTE
Uma jovem solitária e carente, desesperada por uma companhia emocional e sexual, se frustra após diversas tentativas de conhecer alguém. Ela então decide fazer uma tatuagem, que cria vida em sua pele.

UM POUQUINHO ZUMBI
Após ser infectado por um vírus, um gerente de RH começa a desenvolver um estranho desejo por massa encefálica. Entretanto, ele deve tentar esconder seus novos e bizarros anseios de todo mundo, e seus amigos farão de tudo para ajudá-lo.

PUSHING’UP DAISIES
Darren vai a um povoado para fazer um documentário sobre margaridas. Ele acompanha a rotina de seu irmão, entregador de flores. As filmagens começam difíceis, mas o grande problema é o surgimento de zumbis, que surgem e se multiplicam na região.

RAIVA
Dois irmãos estão fugindo e encontram abrigo n um local deserto. Quando a irmã cai numa armadilha, o irmão inicia uma corrida em busca de ajuda. O resgate acaba envolvendo um grupo de tenistas, um guarda florestal, e uma dupla de policiais.

RITOS DA PRIMAVERA
Uma garota de 9 anos de idade, filha de uma socialite, é raptada e levada a uma escola abandonada. Os sequestradores são, então, surpreendidos pelo ataque de um monstro sedento por sangue que espalha horror sempre no primeiro dia da primavera.

SNOWMAN’S LAND
Walter recebe a oferta de um criminoso para proteger sua casa, numa zona isolada. Ele aceita a oferta de trabalho e vai à casa com um amigo. Porém, acidentalmente a esposa de seu contratante é morta. Logo, tudo se transforma numa luta pela sobrevivência.

THOR NA PARADA DE ÔNIBUS
A história de Thor, o Deus do Trovão, em sua última jornada pela vizinhança suburbana no dia em que morrerá para salvar o mundo. E, para seu espanto e frustração, ninguém está dando a mínima importância a seu ato de benevolência com a humanidade.

TOUPEIRAS
Uma metrópole com duas sociedades. Na superfície, um regime somente com indivíduos da elite. No subsolo, uma cidade feita de túneis e escombros. As duas partes não se mesclam. Um habitante do subsolo quebrará as regras para realizar seus sonhos.

Published in: Sem categoria on junho 30, 2012 at 1:44 pm  Deixe um comentário  

ENCERRAMENTO DO FANTASPOA 2012

Em 20 de maio, o Fantaspoa encerrou suas atividades com a maior edição de sua história. Repleto de premières latino-americanas, com cinco premières mundiais e mais de 30 convidados, o festival teve um aumento de 10% nos espectadores, totalizando 6.600 pessoas. Seguem os vencedores do VIII Fantaspoa, com comentários dos jurados.

CURTAS-METRAGENS

JÚRI OFICIAL:
Jurados: Michel Munhoz e Paulo Duarte.
 

MELHOR CURTA NACIONAL ANIMAÇÃO: O Céu No Andar De Baixo, dirigido por Leonardo Cata Preta.
Nos arrebatou pela plasticidade e pela narrativa poética.

MELHOR CURTA NACIONAL LIVE-ACTION: Os Desalmados, dirigido por Rafael Borghi.
Pelo visível esforço de produção mesmo diante das limitações de tempo e orçamento e pelo notável  empenho em transformar um projeto inicialmente acadêmico em uma obra criativa com uma linguagem e estética moderna, que flerta com o pulp, o pop e que aponta para um novo núcleo de profissionais do audiovisual do qual se espera mais obras do gênero fantástico em um futuro próximo.

MELHOR CURTA INTERNACIONAL ANIMAÇÃO: Canção De Blackwater, dirigido por Bo Mathorne.
A pequena obra-prima Canção De Blackwater, sem dúvida uma das melhores animações já produzidas nos últimos tempos, surpreende pela plasticidade e por trabalhar com um enredo mítico de uma maneira original.

MELHOR CURTA INTERNACIONAL LIVE-ACTION: Picnic, dirigido por Gerardo Herrero.
Fala ao mais primitivo dos medos, ou seja, o medo do que não existe, o medo que está em nossa cabeça e de suas consequências, além do subtexto também colocar brilhantemente que as consequências das guerras duram muitos e muitos anos, mesmo depois delas terminadas.

JÚRI POPULAR:

MELHOR CURTA NACIONAL ANIMAÇÃO: O Céu No Andar De Baixo, dirigido por Leonardo Cata Preta.

MELHOR CURTA NACIONAL LIVE-ACTION: Os Desalmados, dirigido por Rafael Borghi.

MELHOR CURTA INTERNACIONAL ANIMAÇÃO: Canção De Blackwater, dirigido por Bo Mathorne.

MELHOR CURTA INTERNACIONAL LIVE-ACTION: Matar Uma Criança, dirigido por César Esteban Alenda e José Esteban Alenda.

LONGAS-METRAGENS

MOSTRA APOCALIPSE ZUMBI
Jurados: Cristian Verardi, Hernán Panessi e Marcelo Severo.

MELHOR FILME: Pushin’ up Daisies, dirigido por Patrick Franklin.
Pushin’ Up Daisies pela inventividade da trama ao utilizar a mítica figura dos zumbis como elemento desestabilizador para satirizar as convenções cinematográficas, num implacável exercício de humor negro.

MOSTRA PANORAMA
Jurados: Cid Nader e Todd E. Freeman. 

MELHOR FILME: Kid-Thing, dirigido por David Zellner.
Por ser o trabalho que mais pode ser entendido como “cúmplice” da proposta do Festival (filmes de algum tipo de estranhamento). A figura central da criança avessa ao comum (e mesmo as dos que a cercam) são bastante interessantes. E o diretor David Zellner conseguiu também concretizar um trabalho bastante amparado em invenções formalistas que resultaram em grandes momentos visuais: grandes e inventivos, por opções de tomadas raras e extremamente bem executadas.

MELHOR DIRETOR(A): Marta Stephens, de A Canção do Peregrino.
Por ter realizado um filme de rara sensibilidade – atenção e complexidade em todos os personagens; e drama sutil, tanto quanto importante -, como talvez só mulheres consigam (sem que essa opinião caracterize redução de capacidades ao sexo do artista), mas com um ato um tanto mais raro de construção, quando se nota  tal sensibilidade direcionada principalmente para a figura masculina do peregrino.

MOSTRA COMPETITIVA IBERO-AMERICANA
Jurados: Beatriz Saldanha e Eron Duarte Fagundes.

MELHOR FILME: Toupeiras, dirigido por Emiliano Romero.
Toupeiras chamou a atenção do júri por sua trama surrealista sobre os caminhos tortuosos de um homem para a realização de um sonho. O filme aponta extraordinárias possibilidades para o cinema fantástico atual.

MELHOR DIRETOR: Nicanor Loreti, de Diablo.
Pelas formas enxutas e precisas de sua montagem cinematográfica.

MENÇÃO HONROSA PELA MEMÓRIA DO CINEMA FANTÁSTICO: Alucardos – Retrato de um Vampiro, dirigido por Ulises Guzmán.
Dispensa o formato do documentário tradicional: é uma bela peça cinematográfica. Resgata um dos mais interessantes personagens do cinema mexicano, Juan López Moctezuma.

MOSTRA COMPETITIVA INTERNACIONAL
Jurados: André Kleinert e Carlos Primati.

MELHOR FILME: O Alvo, dirigido por Alexander Zeldovich.
Obra de momentos visuais arrebatadores, em que ficção científica, suspense e drama existencial se entrelaçam de forma insólita.

MELHOR DIRETOR: David Jarab, de Mão-Cabeça-Coração.
Pelo notável talento em criar uma constante atmosfera surreal dentro de uma trama que junta realismo fantástico e um complexo registro histórico/político.

MELHOR ATOR: Tihomir Stanic, de O Inimigo.
Notável talento em compor um demônio que assusta pelo olhar insidioso e pelas palavras enigmáticas.

MELHOR ATRIZ: Victoria Bidwell, de Pele Reconfortante.
Excepcional interpretação em que uma gama de sentimentos diversos se desenvolve com rara naturalidade.

MELHOR ROTEIRO: Snowman’s Land, dirigido por Tomasz Thomson.
Partindo de premissas tradicionais dentro do gênero suspense, um texto que consegue extrair forte tensão a partir de elementos de uma legítima comédia de erros.

MELHORES EFEITOS ESPECIAIS: Inato, dirigido por Alex Chandon.
Na contramão da tendência moderna na utilização excessiva de efeitos digitais, a obra em questão se vale de trucagens que remetem a produções dos anos 70 e 80, de resultados mais que eficazes.

MELHOR DIREÇÃO DE ARTE: O Contrabandista, dirigido por Katsuhito Ishii.
Concepção visual ousada, com cenários e vestuário apresentando um registro que oscila entre o irreal e o futurista.

MELHOR BANHO DE SANGUE: Raiva, dirigido por Aharon Keshales e Navot Papushado.
Um massacre em que plasma e vísceras em profusão não é apenas um recurso gratuito, mas a própria razão de ser do filme.

RAINHA DO GRITO: Anessa Ramsey, de Ritos da Primavera.
Do início ao fim do filme, ela não só passa um bom tempo gritando, como esperneia, xinga e dá socos e pontapés. Ou seja, uma legítima Rainha do Grito!

PRÊMIO ESPECIAL DO JÚRI/CONTRIBUIÇÃO ARTÍSTICA: The Girl from the Naked Eye, dirigido por David Ren.
Coreografias de lutas de nível altíssimo!

JÚRI POPULAR:

MELHOR FILME: Um Pouquinho Zumbi, dirigido por Casey Walker.

Published in: Sem categoria on maio 24, 2012 at 11:01 pm  Deixe um comentário  

14/05 – Dia 11 de VIII Fantaspoa

ImagemImagem

Sessões comentadas do dia:

Fase 7, às 19h00, no Cine Santander. Filme argentino, terá presença e debate com o diretor Nicolás Goldbart. Obra de comédia e ficção científica, participou de alguns dos mais prestigiados festivais de cinema do mundo, como South by Southwest (SXSW), Imagine Film Festival, Festival de Cinema de Mar Del Plata, Sci-Fi Longos e Festival Internacional de Edimburgo.

Escaleno, às 21h15, no CineBancários, com presença do diretor norte-americano Zack Parker. O filme iniciou sua carreira em festivais no ano passado e estreou no “Dances With Films Film Festival”, respeitado festival de cinema estadunidense. Neste, já ganhou prêmio de melhor filme. Após, o filme passou por outros diversos festivais e ganhou muitos prêmios.

Hoje, somente o CineBancários estará funcionando. Às 15h, teremos a exibição de O Corredor, sobre um grupo de amigos que encontra um corredor espectral numa floresta, que os leva a momentos de insanidade. Às 17h, première latino-americana de Mão-Cabeça-Coração, lindo filme tcheco de fantasia e ganhador de prêmios Czech Lions de melhor direção de arte e de fotografia.

Lembrando que todos os filmes do Fantaspoa dificilmente serão exibidos em cinema novamente em Porto Alegre. Portanto, é oportunidade única ver esses filmes no evento. E especialmente importantes são as sessões comentadas, na qual vocês espectadores poderão ter um contato mais próximos com os realizadores das obras que adoramos e exibimos no Fantaspoa.

Abraços,
João Fleck e Nicolas Tonsho

Published in: Sem categoria on maio 14, 2012 at 1:53 pm  Deixe um comentário